17 de setembro de 2010

CHAMADA DE JOSÉ SATÍRIO DOS SANTOS

MISSÃO EM CÚCUTA - estou lendo-o pela quarta vez. Livro inspirativo, pedagógico, leitura totalmente indispensável aos que amam a obra missionária.

Sinopse do livro

Em 1974, José Satírio dos Santos era um evangelista de tempo integral na Assembleia de Deus de Tupã, São Paulo. Residia no porão da igreja sede. De dia cuidava de uma chácara, e à noite auxiliava na igreja. Foi num domingo, depois do culto à noite, estando em casa com a família, que José Satírio teve uma experiência da qual nunca imaginara. Depois de todos deitarem-se, ele ajoelhou-se para orar ao lado de sua cama, como de costume. Aconteceu que, naquela oração, uma força estranha o envolveu e ele sentiu-se transportado a uma grande velocidade indo parar no alto de uma montanha. Encontrou-se no meio de uma rua, cortada adiante por uma avenida, onde viu homens trabalhando e quando viram-no, levantaram-se e um deles o saudou: “Bem-vindo à Colômbia, irmão José!” “Fizeste bem em vir aqui”, disse o homem. “Há um grande trabalho que Ele quer realizar, e o fará através de ti”. José Satírio acompanhou-o depois para conhecer a cidade. Chegaram a uma casa, onde entraram, e sentaram-se à mesa. Uma mocinha trouxe café com leite, pão, queijo e manteiga. Oraram dando graças pela refeição. Num dado momento uma espécie de pergaminho, surgido do nada, desenrolou-se em sua frente. Estava escrito em grandes letras luminosas: “Deus, eu vi uma terra feliz!”. Naquele momento as imagens da visão começaram a confundir-se e o irmão Satírio voltava de sua visão. Ainda chegou a ouvir a expressão da moça: “Colômbia!”

Ao tomar consciência de que estava novamente em seu quarto, por um instante imaginou ter adormecido durante a oração. Havia se passado pouco mais de uma hora. Para entender de que tivera mesmo uma revelação de Deus, a prova foi: havia pão e queijo de verdade em sua boca!

Temeroso, perguntou ao Senhor o que estava acontecendo. Teria ele sido transladado até a Colômbia? O Senhor dissera: “Eu sou o mesmo. O que transportou Filipe também transportou a ti”.

Tempos mais tarde, José Satírio dos Santos e sua família rumavam para a Colômbia, onde plantou uma obra que frutificou milagrosamente!

(Missão em Cúcuta, CPAD)

2 comentários:

  1. A paz do Senhor Jesus, gostei muito da sua vinda em Guarulhos estarei orando por ti.Célio Xavier

    ResponderExcluir